Técnicas de Marketing de Conteúdo para usar com influenciadores

Jovem escrevendo em quadro branco fluxos de trabalho

Muito tem se falado em marketing de conteúdo, que é aquele tipo de marketing que tem por conceito manter o público-alvo engajado em uma determinada marca, um serviço ou um produto. É por meio do marketing de conteúdo que o empreendedor consegue se relacionar com os seus clientes com uma maior interatividade, inclusive, aumentando o número de clientes em potencial.

Diante do grande número de pessoas que utiliza as redes sociais no cotidiano, bem como graças à convergência on-line das mais variadas mídias destinadas à publicidade, o marketing de conteúdo é a bola da vez quando a conversa é empreendedorismo. Além de trabalhar com conteúdo, outra característica desse tipo de marketing é o fato de que ele funciona muito bem também com a atuação dos influenciadores, que são aquelas pessoas que ajudam a consolidar a marca ou o produto na mente do público-alvo.

Nesse caso, é possível contar com algumas técnicas que ajudam a atrair cada vez mais possíveis clientes com a ajuda de influenciadores.

A importância dos influenciadores

Os influenciadores sempre foram relevantes quando o assunto é marketing. Ou seja, se no marketing tradicional eles já eram importantes, no caso do marketing de conteúdo, que se apoia muito no meio on-line, eles têm um papel primordial para replicar ainda mais seu conteúdo.

Na atual era da internet, os influenciadores fazem parte do seleto grupo que conta com milhões de seguidores em seus canais on-line e em suas redes sociais. Não por acaso, eles são formadores de opinião, influenciam comportamentos e são assistidos e ouvidos por uma grande audiência na internet.

Cada segmento específico conta com seus influenciadores. No caso dos games eletrônicos, por exemplo, um influenciador pode ser um blogueiro muito conhecido ou um youtuber que possui várias pessoas inscritas em seu canal. Enfim, na época dos compartilhamentos e das curtidas em redes sociais, um influenciador é a pessoa que tem muitos seguidores e muitos fãs engajados. Por isso, conhecer as técnicas para usar em sua estratégia de inbound marketing junto com os influenciadores no marketing de conteúdo é algo essencial para alcançar o sucesso. Afinal, é o influenciador que falará da sua marca ou do seu serviço diretamente com o público-alvo.

Sugestões

– Que tal lançar um vídeo patrocinado no Youtube sendo apresentado pelo influenciador e postado no canal dele? Sua marca pode ganhar uma repercussão espontânea grande, além de ser bem-visto pelo público-alvo do influenciador.

– Ou ainda, que tal fazer uma transmissão ao vivo pelo perfil do influenciador, visitando sua empresa ou com algum tema relacionado a ela?

– Caso o influenciador tenha um blog, é bacana fazer um post patrocinado e pedir para o influenciador postar os links em todas as redes sociais dele; pode gerar muito tráfego!

Como encontrar o influenciador certo para você

Na era do marketing de conteúdo, os influenciadores estão nas redes sociais, nos blogs, enfim, eles estão nas mídias on-line em geral. É bom traçar um planejamento para encontrar o influenciador que mais combina com a proposta da sua empresa. Por isso, é importante pesquisar sobre a popularidade e também sobre o histórico dele, ver como ele interage com os seguidores, como é o engajamento dos fãs dele, entre outros detalhes.

Para atingir o público-alvo ideal de seu negócio, novas técnicas de marketing tem sido usadas. Com um bom planejamento estratégico e utilizando-se do carisma dos influenciadores, o marketing de conteúdo tem muito a oferecer para o seu negócio.

 

 

Antes feito do que perfeito.

Galera, antes de tudo quero dizer que sofri muito com isso. kkk

Sou virginiano e mesmo para quem não se liga em astrologia (como eu), sabe que o virginiano é um perfeccionista.  Sim, posso afirmar.

Portanto, essa frase é uma lição.

Sei também, que muito mais pessoas possuem esse “problema”.

As vezes, pela pressão de fazer tudo bem feito e ser reconhecido ou por uma sensação de saber que tudo esta organizado e que você tem controle da situação.

Não foi fácil, mas consegui resolver esse problema em minha vida e acho que dois motivos me ajudaram.

1) Ser pai (ou mãe).

Para quem é, já entendeu de cara que isso ajudou. Para quem ainda não é, portanto segue a dica e não espere ser pai (ou mãe) para aprimorar essa atitude.

É impossível você manter a perfeição quando se é pai (ou mãe). Sei que mesmo eu falando aqui  você irá insistir nisso, mas depois desistirá. Fique tranqüilo é assim mesmo. Principalmente pessoas que não possui recursos de ter uma baba ou coisa do tipo, se você encanar em fazer tudo na maior perfeição vai quebrar a cara, simples assim.

Portanto nesse momento você será obrigado a criar e apurar o sentido de prioridade. Sim, você fará escolhas melhores, apesar de no primeiro momento você ficar um pouco chateado por achar que não está dando conta das coisas, mas ao contrario, você estará dando importância para o que realmente importa.

Você conseguirá se planejar um pouco melhor pois seu tempo ficou curto, e se você quiser ver aquele filminho (impossível), terá que deixar as coisas organizadas para poder desfrutar desse momento.

2) Falta de grana

Essa é outra forma de você aprender a fazer mais com menos. É impressionante a capacidade de criar solução quando você não possui dinheiro.

Você quer melhorar o site, pois o design não ficou do jeito que imaginava e ao mesmo tempo os usuários estão te chamando por causa de um bug e também nesse momento você precisa pensar na campanha de tração e tudo isso e sua grana não dá para tudo. Bom, você vai precisar tomar uma decisão que crie o maior valor possível e não poderá ser as três em conjunto.

Decisão difícil, não é ?

Só assim você começa a se desprender desse sentimento de perfeccionismo.

Calma, não estou dizendo para você ser relaxado. O que você resolver fazer, você deverá fazer da melhor forma possível, com os recursos que você tem. Mas você irá aprender a fazer o que é primordial.

Se você tiver uma mente aberta para a melhoria e entender que tudo faz parte de um processo, no final se sentirá feliz, pois vai perceber que consegue ser muito criativo e fazer mais com menos.

Além do mais, você perceberá que realizando, existirão coisas que você não havia nem imaginado e acabou acontecendo e outras que você investiu um grande tempo planejando e não funcionou.

Portanto, bote para fazer e vai ajustando com a experimentação.

Antes feito do que perfeito.

E calma, Sempre dá.

Até.

Tony Duarte

 

Quem muito quer nada tem. Será?

Há muito tempo escuto essa frase e de verdade, ela nunca me soou correta. Agora, estou tendo que escrever diversos posts e escolhendo alguns temas acabei escolhendo essa.

Acho importante decifrar a real mensagem que deve ser entendida e não a confusão (que na minha visão) ela geralmente causa.

Há primeira vista, ela parece fazer sentido. Mas se você não parar para pensar, ela pode causar um problema, um conflito em seus pensamentos.

Então vamos lá.

Qual é o problema em querer muito?

Nenhum.

A ambição é positiva, diferente da ganância.

Diariamente somos bombardeados com reportagens, livros, “gurus”, citações em redes sociais, todas dizendo para pensarmos grande, que o céu é o limite e tudo mais. De repente nos damos de frente para uma frase dessas.

Quem muito quer nada tem.

Certeza que a sensação é de que alguém jogou um balde de água fria na sua cabeça.

Mas na verdade, a mensagem é outra e vou explicá-la para vocês.

Você pode querer tudo. O que não pode é querer tudo AO MESMO TEMPO. Há não ser que você seja um milionário, aí você pode querer tudo ao mesmo tempo pois terá equipes para fazer todas as suas vontades.

Mas como isso não é uma realidade para a maioria, então foca no objetivo e avança um passo de cada vez. Essa é a verdadeira mensagem. FOCO.

Ah, mas se eu fizer uma coisa de cada vez, irei levar muito tempo para conseguir tudo.

Você está errado.

Nós temos a impressão de que fazendo diversas atividades em conjunto, estaremos acelerando o processo. Isso é uma mentira. Não temos capacidade para tanto.

Muitas coisas nos distraem e perdemos o foco, daí quando voltamos ao assunto anterior levamos um tempo e perdemos o raciocínio. Portanto até retoma-lo, um grande tempo se foi.

As interferências que recebemos durante o dia são muitas e cada vez mais isso tem aumentado por conta da tecnologia. Se somar todo esse período, você verá que não produziu muito e ainda ficará com a sensação de frustração no fim do dia por não ter tido o resultado esperado.

Então o que eu devo fazer?

Você deverá ter planos curtos, exequíveis e um pouco de disciplina.

Veja como fazer.

  • Defina um período, tipo uma semana.
  • Relacione as coisas mais importantes e aloque elas nesse período.
  • Execute-as.

Simples assim. Uma de cada vez.

Se caso, uma das atividades alocadas não for possível de ser realizada em uma semana, divida-a em tarefas menores que caibam na semana. Não mude o período.

No começo você poderá errar nessas escolhas, mas com o tempo irá melhora-las e conseguirá realizar mais coisas no mesmo período.

Você ficará absurdamente espantado com a geração de resultados consistentes que irá gerar. Faça disso um hábito.

Pronto, acabei de explicar o método ágil de trabalhar, que é um sucesso mundial e ajudou a revolucionar a industria da tecnologia.

Claro que tem mais detalhes que você pode conhecer estudando a metodologia SCRUM.

Portanto a frase correta é;

Queira muito e terá muito, com planejamento e disciplina.

Bom é isso.

Espero que gostem.

Até.